Polícia Militar (AL) abre concurso para 500 vagas de Soldado

A Polícia Militar do Estado de Alagoas (PMAL) divulgou nesta sexta-feira, através do Diário Oficial Estado, a abertura do concurso público 2018, para provimento de 500 vagas no cargo de Soldado Combatente, com exigência do ensino médio. O concurso será executado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

O salário para Soldado Combatente, condição alcançada após a conclusão do Curso de Formação de Praças, será de R$ 3.744,47; e para Soldado Aluno, situação definida durante o período de formação, de R$ 1.453,14.


Será admitida a inscrição somente via internet, no endereço eletrônico www.cespe.unb.br/concursos/pm_al_18_soldado, solicitada no período entre 10 horas do dia 25 de junho e 18 horas do dia 24 de julho de 2018 (horário oficial de Brasília/DF). A taxa custa R$ 95,00

O concurso constará de Prova objetiva; Avaliação médica das condições de saúde física e mental; Prova de aptidão física; Comprovação documental; e Investigação social. A prova objetiva terá a duração de 3 horas e 30 minutos e será aplicada na data provável de 30 de setembro de 2018, no turno da tarde.

ATRIBUIÇÕES: a) durante o Curso de Formação de Praças, como Soldado Aluno: exercer atividade estudantil, em regime de internato e(ou) semi-internato, em dedicação integral e exclusiva, exercendo as demais atividades internas e externas atreladas à sua formação, conforme o Regulamento do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP), Manual do Aluno do CFP/PMAL e diretrizes de ensino da Diretoria de Ensino da PMAL; b) após a conclusão do Curso de Formação, como Soldado Combatente: exercer atribuições inerentes ao Soldado Combatente, com atribuições e deveres, respeitadas as restrições previstas em leis, regulamentos e instruções pertinentes, participando e promovendo a segurança pública por meio de execuções em ações e operações policiais militares. Para tanto, a atuação do Soldado Combatente compreende as seguintes atribuições específicas, dentre outras: executar o policiamento ostensivo fardado, reservado e velado; assessorar os comandantes de guarnição; executar o serviço de sentinela das guardas de: quartel, em estabelecimentos prisionais e nas assessorias militares; participar de ações e operações policiais; auxiliar e secretariar no desenvolvimento de processos e procedimentos administrativos da Polícia Militar; comandar guarnição de policiamento ostensivo fardado, reservado ou velado, na ausência de oficial e(ou) graduado para tal, obedecida a antiguidade hierárquica; auxiliar a parte administrativa das Unidades Operacionais; executar o serviço de motorista de viaturas operacionais e administrativas e de patrulheiro; pautar suas ações em preceitos éticos, técnicos e legais, previstos em leis e regulamentos da Polícia Militar de Alagoas; c) condições gerais ao exercício do cargo: trabalhar em contato cotidiano com o público, em equipe, sob supervisão, em ambiente de trabalho que pode ser fechado, a céu aberto ou em veículos, em horários diversos (diurno, noturno e em rodízio de turnos); atuar em condições de pressão e de risco de morte em sua rotina de trabalho; d) realizar atividades de segurança contra incêndio e pânico; e) realizar serviços de limpeza e manutenção de dependências, viaturas, materiais e equipamentos; f) realizar serviços administrativos, tais como: auxiliar de serviços gerais; auxiliar de tesouraria e finanças; auxiliar de aprovisionamento; auxiliar de almoxarifado; auxiliar de serviço de manutenção; auxiliar de arquivo; auxiliar de serviço de inteligência; digitador; armeiro; auxiliar de relações públicas; e outros serviços inerentes à atividade administrativa que sejam determinados pelos superiores hierárquicos; cumprir todas as leis, decretos, normas e regulamentos aplicados a PMAL.

Informe Erro Carregando...