Simulado de concurso para Médico Veterinário

Para aprofundar seus conhecimentos na área de medicina veterinária, preparamos esse simulado com questões especificas que caíram em Provas Objetivas de concursos públicos, para o cargo de Médico Veterinário, o qual exige nível superior.

Questão 1

De acordo com a Instrução normativa Nº 50 de 24 de setembro de 2013, a notificação da suspeita ou ocorrência de doença listada na Instrução Normativa é obrigatória para qualquer cidadão, bem como para todo profissional que atue na área de diagnóstico, ensino ou pesquisa em saúde animal. Desta forma, são exemplos de doenças que requerem notificação imediata de qualquer caso suspeito:




Questão 2

O Brasil possui normas para a Erradicação da Peste Suína Clássica (PSC) a serem observadas em todo o Território Nacional, as quais são descritas e regulamentadas na Instrução Normativa N. 06 de 9 de março de 2004. No caso de um foco da doença (PSC) serão aplicadas, pelo médico veterinário oficial, as seguintes medidas, sendo INCORRETA:




Questão 3

Em relação ao órgão oficial executor das atividades de Defesa Sanitária Animal no Estado do Acre, de acordo com a Lei Estadual 1.486 de 17 de janeiro de 2003, através dos seus técnicos, funcionários e credenciados, ficam assegurados poderes para:




Questão 4

A emissão de GTA para movimentação de bovinos e bubalinos oriundos de Unidade da Federação ou região onde a vacinação contra a febre aftosa é obrigatória deve considerar alguns requisitos, sem prejuízo das demais normas em vigor, respeitando o cumprimento de prazos, contados a partir da última vacinação contra a febre aftosa, conforme descrito na Instrução Normativa N. 44, 02 de outubro de 2007, sendo INCORRETA:




Questão 5

O Programa Nacional de Prevenção e Vigilância da Encefalopatia Espongiforme Bovina (PNEEB) - Instrução Normativa Nº 44, de 17 de setembro de 2013 - busca ações de detecção precoce de eventuais casos de Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB), sendo este composto por subprogramas os quais referem-se ao controle, sendo INCORRETA a alternativa:




Questão 6

A febre aftosa é uma doença viral aguda, altamente contagiosa que acomete animais de casco fendidos, caracterizada por lesões vesiculares, erosões e úlceras na cavidade bucal, nas áreas interdigitais, focinho e tetas. O vírus da febre aftosa e um picornavírus do gênero Apthovirus. Pelo menos sete cepas imunologicamente distintas do vírus da febre aftosa são conhecidas, dentre elas:




Questão 7

De acordo com as exigências adotadas pela Instrução Normativa Nº 76, de 26 de novembro de 2018, a qual regulamenta e fixa a identidade e as características de qualidade que devem apresentar o leite cru refrigerado, o leite pasteurizado e o leite pasteurizado tipo A, é CORRETO afirmar:




Questão 8

As doenças conhecidas como DTA´s (Doenças Transmissíveis por Alimentos) apresentam-se como importante ponto de preocupação para a saúde humana, diversos micro-organismos podem ser apontados como potencial causador dessas doenças, sendo INCORRETA:




Questão 9

O desenvolvimento de programas sanitários busca medidas como a erradicação de determinadas patologias, ou a mitigação dos seus efeitos para a saúde animal, bem como para a saúde humana, dentre outras. De acordo com o Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa (PNEFA), instituído pela Instrução Normativa MAPA Nº 44, de 02 de outubro de 2007, define-se como área de proteção sanitária: área geográfica estabelecida em torno dos focos de febre aftosa, de acordo com a estratégia para contenção e eliminação do agente infeccioso. Marque a opção CORRETA em relação a abrangência da área de proteção sanitária:




Questão 10

Os morcegos hematófagos (Desmodus rotundus) são indicados como os principais agentes transmissores da raiva na população de herbívoros, desta forma, a Instrução Normativa MAPA N. 05, de 1° de março de 2002, a qual aprova as normas técnicas para o controle da raiva dos herbívoros domésticos, descreve como método para o controle de morcegos hematófagos:




Tempo de simulado:

Deixe uma resposta