Início»Norte»Amazonas»Prefeitura de Manaus (AM) lança processo seletivo 01/2018

Prefeitura de Manaus (AM) lança processo seletivo 01/2018

A Prefeitura de Manaus, capital do estado do Amazonas, publicou ontem, dia 8, o edital do Processo Seletivo Simplificado (PSS) nº 001/2018, para a contratação temporária de 69 novos profissionais, para ocupar cargos de Agente de Combate às Endemias (ACE), no âmbito da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

Os interessados podem se inscrever, gratuitamente, a partir desta quinta-feira, 9/8, até o próximo dia 15, somente pelo endereço eletrônico http://semsa.manaus.am.gov.br. Após preencher ficha de inscrição on-line e anexar os documentos comprobatórios digitalizados, o sistema gerará o comprovante de inscrição, devendo este ser impresso, ficando com o candidato.


Para concorrer às vagas, são exigidos Ensino Médio Completo, Carteira Nacional de Habilitação (Categoria “B”) e curso de formação inicial de 40 horas, entre outros. A jornada de trabalho será de 40 horas semanais, de segunda a sexta-feira, no horário de 8h às 12h e 13h às 17h, dentro do município de Manaus. O salário composto por vencimentos, insalubridade, auxílio-transporte e auxílio-alimentação será de R$ 1.853,29.

O processo seletivo será realizado considerando os cursos e experiência. A lista de candidatos constantes na homologação do Processo Seletivo Simplificado será publicada no Diário Oficial do Município, em jornais locais de grande circulação e via internet, no site http://semsa.manaus.am.gov.br e serão convocados com estrita observância da ordem de classificação.

Atribuições específicas da função: Realizar atividades de vigilância, prevenção e controle de doenças e promoção da saúde, desenvolvidas em conformidade com as diretrizes do SUS; Realizar vigilância ambiental para o controle de vetores, hospedeiros, reservatórios e animais da fauna sinantrópica de interesse à saúde pública, no Município. Na prevenção da malária, dengue e na promoção da melhoria de condições ambientais: Realizar ações de educação em saúde e de mobilização social, em forma de palestra, orientando verbalmente sobre procedimentos preventivos a serem seguidos, para evitar a formação de criadouros que contribuam para o aumento do número de mosquitos e consequentemente a transmissão de malária, dengue e outras; Mobilizar a comunidade para desenvolver medidas simples de manejo ambiental; Orientar o uso de medidas de proteção individual e familiar na prevenção da malária; Realizar drenagem de pequenos criadouros; Executar serviços de aterro de criadouros; Realizar limpeza de vegetação aquática (manejo ambiental); Realizar a aplicação de larvicidas químicos e biológicos, quando indicados; Realizar borrifação intradomiciliar de efeito residual, quando indicado; Realizar a aplicação espacial de inseticidas através de nebulizações térmicas e Ultra Baixo Volume – UBV, quando indicado no controle seletivo de vetores da malária. Na identificação, no diagnóstico e no tratamento: Identificar sinais e sintomas de malária; Realizar o diagnóstico precocemente com os imunotestes; Colher lâminas de pessoas suspeitas de malária; Receber o resultado do exame e providenciar o tratamento imediato e adequado conforme tabelas de tratamento; Orientar o paciente sobre a necessidade de concluir o tratamento; Acompanhar os pacientes em tratamento; Coletar lâmina para verificação de cura (LVC); entre outras.

Confira apostilas para esse concurso.

Informe Erro