Gabarito TCM-RJ: Concurso 2016

Aconteceu neste domingo, dia 16, a aplicação das provas objetivas do concurso público do Tribunal de Contas do Município do Rio de Janeiro (TCMRJ), para o preenchimento de 18 vagas, no cargo de Técnico de Controle Externo – Nível Médio e formação de cadastro de reserva.

O gabarito preliminar e o caderno de questões das Provas Objetivas serão divulgado em até três dias após a aplicação da mesma, no endereço eletrônico do IBFC. Confira aqui!


O prazo para interposição de recurso contra questões da prova objetiva e gabarito preliminar será de dois dias, no horário das 9 horas do primeiro dia às 16 horas do último dia, contados do primeiro dia subsequente da data de publicação oficial. Para os recursos, o candidato deverá acessar o endereço eletrônico do IBFC – www.ibfc.org.br e preencher o formulário próprio disponibilizado para recurso transmitindo-o eletronicamente.

Atribuições do cargo: • Executar atividades de apoio técnico-administrativo necessárias ao desempenho das atividades inerentes ao funcionamento do Tribunal de Contas do Município do Rio de Janeiro, tais como: • executar tarefas identificadas com a instrução dos processos submetidos à apreciação do Tribunal; • instruir e examinar documentos, informações e processos de natureza técnica ou administrativa que lhe sejam distribuídos; • auxiliar na execução de trabalhos de fiscalização em suas diversas modalidades, com a elaboração dos respectivos relatórios e exame de recursos; • redigir, digitar, preparar e conferir expedientes, informações, correspondências, documentos e comunicações processuais; • efetuar pesquisas, cálculos, duplicar documentos e preencher requisições; • elaborar quadros demonstrativos, tabelas, dados estatísticos, relações e outros, auxiliando na execução dos levantamentos ou registros necessários; • executar a movimentação interna e externa de processos e outros documentos; • atender ao público interno e externo; • prestar suporte administrativo e operacional necessários ao desenvolvimento das atividades da unidade; • executar outras tarefas de apoio técnico e administrativo determinadas; • zelar pela conservação e guarda do patrimônio público, assim como pela entrada e saída de bens e documentos desta Corte de Contas; • executar serviços internos e externos de coleta e entrega de correspondência, documentos e encomendas, pagamentos e outros afins; • auxiliar os serviços simples de escritório; • auxiliar na redação das atas de reuniões do Plenário e Comissões; • duplicar documentos diversos; • digitar, conferir ou supervisionar o conteúdo de documentos e encaminhá-los para assinatura, quando for o caso; • atender às chamadas telefônicas, anotando ou transmitindo recados, obtendo ou fornecendo informações; • verificar a necessidade de material e preencher ou solicitar o preenchimento de requisições; • receber, conferir e registrar o expediente a ser levado ao Plenário e Comissões; • zelar pela conservação do maquinário e material de uso do Tribunal; • colecionar matérias, leis e outros atos normativos de interesse do Tribunal; • protocolar entrada e saída de documentos ou processos; • executar quaisquer outros encargos semelhantes, pertinentes à categoria funcional; • executar, coordenar e fiscalizar serviços de segurança física e patrimonial, zelando pelo cumprimento das normas de segurança e vigilância deste Tribunal, especialmente nos seus acessos principais no que diz respeito à entrada e saída de bens, mantendo sistemática fiscalização das portas de acesso às áreas vedadas ao público; • executar serviços de atendimento e identificação de pessoas, prestando informações e encaminhando-as aos setores procurados, auxiliando a recepção deste Tribunal; • executar a movimentação dos processos do setor através do Sistema Controle de Processos — SCP do Tribunal; • efetuar as movimentações físicas, internas e externas, de processos e de outros documentos, promovendo as devidas anotações; • arquivar fichas, processos, publicações, históricos de pareceres e documentos diversos de interesse da unidade em que serve; • colecionar matérias, leis e outros atos normativos de interesse na unidade em que serve; • auxiliar no ordenamento dos dados para balancetes, balanços e demonstrações financeiras do Tribunal; • examinar empenhos de despesas e a existência de saldos nas dotações; • auxiliar na análise econômico-financeira e patrimonial; • organizar, dirigir, supervisionar, auxiliar e executar serviços técnicos relativos à documentação e arquivos; • planejar, supervisionar ou auxiliar nas atividades relacionadas com a seleção, classificação, catalogação e arquivamento de documentos e textos, para melhor uniformização e aperfeiçoamento dessas práticas; • organizar a documentação de leis ou outros atos oficiais, mantendo-a atualizada; • executar outras tarefas correlatas a critério do seu superior imediato.

Carregando...