Edital Concurso Público INCA 2016

Foi publicado o edital do concurso público do Instituto Nacional do Câncer José Alencar Gomes da Silva – INCA, com oferta de 26 vagas Técnico e Analista.

EDITAL Nº 6, DE 17 DE OUTUBRO DE 2016

O Secretário Executivo do Ministério da Saúde, no uso de suas atribuições, considerando o disposto na Portaria MPOG nº 115, de 15 de abril de 2016; no Decreto Federal nº 6.944, de 21/08/2009; na Lei Federal nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990; e na Lei Federal nº 8.691, de 28 de julho de 1993, torna pública a realização do Concurso Público de Provas e Títulos para provimento de 26 (vinte e seis) vagas e formação de cadastro reserva em cargos efetivos da Carreira de Ciência e Tecnologia no quadro do Ministério da Saúde, para exercício no Instituto Nacional do Câncer José Alencar Gomes da Silva – INCA, de acordo com as normas e condições estabelecidas neste Edital.


1. DAS CARREIRAS E DOS CARGOS

1.1 CARREIRAS DE GESTÃO, PLANEJAMENTO E INFRAESTRUTURA 1.1.1 CARGO: ANALISTA EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA JÚNIOR L – I 1.1.1.1 ÁREAS DE ATUAÇÃO GESTÃO DE PROJETOS EM PESQUISA E PREVENÇÃO DE CÂNCER Requisitos Específicos: 1 – diploma de curso nível superior, realizado em instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação e registro profissional no órgão de classe competente se houver; e 2 – certificado de curso de especialização em Gestão de Projetos ou Gestão da Saúde ou título de especialista em Gestão de Projetos ou Gestão da Saúde. Atribuições: Realizar análises estratégicas de contexto. Formular e promover a articulação de programas, projetos e parcerias estratégicas; executar atividades especializadas de planejamento, gestão, coordenação e assistência técnica, bem como administrativas e de logísticas; pesquisar, desenvolver, monitorar e sistematizar as atividades decorrentes do planejamento estratégico e tático. Desenvolver e aplicar metodologias de gestão dos planos estratégicos e operacionais. Realizar o gerenciamento de projetos: desenho e aplicação de metodologias de gestão de projetos individuais e portfólios, acompanhamento físico-financeiro de projetos, monitoramento das atividades em andamento dos projetos, modelagem de projetos, estudos de pré-viabilidade de novas propostas, estudos de viabilidade técnico-econômica dos projetos. Mapear, analisar, elaborar plano e controlar riscos. Realizar monitoramento, avaliação e controle operacional e estratégico. Elaborar, monitorar e avaliar a programação física orçamentário-financeira. Realizar gestão de cooperações técnicas. Elaborar, analisar e interpretar pesquisas, quadros, tabelas e planilhas; redigir relatórios, minutas de contratos, normas, manuais e outros documentos; implementar práticas de gestão para a qualidade; efetuar estimativa de despesas referentes aos planos, programas e projetos desenvolvidos pela área; implantar ferramentas para aperfeiçoar o gerenciamento de projetos e processos e apoio às atividades de pesquisa e ensino. Consulta e manuseio das plataformas de agências financiadoras de pesquisa em nível nacional e internacional, prestação de contas e relatórios de pesquisa junto às agências de fomento, implantação de ferramentas para aperfeiçoar o gerenciamento de projetos e processos.

INFORMAÇÃO TÉCNICO-CIENTÍFICA EM PREVENÇÃO E CONTROLE DO CÂNCER Requisitos Específicos: 1 – diploma de curso nível superior na área de Biblioteconomia, realizado em instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação e com registro profissional no órgão de classe competente; e 2 – certificado de curso de especialização nas áreas de Ciência da Informação ou Sociais Aplicadas ou Saúde Coletiva. 2 Atribuições: Gerir informação de acordo com os diferentes conteúdos a serem disponibilizados em ambientes físicos e virtuais; atuar na produção e alimentação de bases de dados, Biblioteca Virtual em Saúde e outros sistemas de informação bibliográficos; coletar, selecionar e processar fontes de informações de acordo com a metodologia LILACS/BIREME; elaborar estatística, pareceres, publicações e relatórios técnicos; desenvolver projetos para disseminação da informação em câncer, fortalecendo cooperações técnicas e expandindo as bases de dados em saúde pública sobre prevenção e controle do câncer; executar atividades de pesquisa, coleta, seleção, processamento técnico e divulgação de fontes de informação; tratar e promover coleções relacionadas à memória técnica e institucional; desenvolver e incentivar competências informacionais para prevenção e controle do câncer; orientar usuários e participar no planejamento e execução de busca de evidências em saúde; atuar no controle bibliográfico da produção editorial, aplicando normas e procedimentos referentes à padronização e normalização (referências, ficha catalográfica, ISBN); planejar a formação e o desenvolvimento de coleções; participar e desenvolver atividades de pesquisa e ensino na área de informação técnico-científica em saúde; participar da elaboração de artigos científicos para apresentação em congressos e publicações científicas. 1.1.2

CARGO: ANALISTA EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA PLENO K – I 1.1.2.1 ÁREA DE ATUAÇÃO ENGENHARIA DE INFRAESTRUTURA – ENGENHARIA CIVIL Requisitos Específicos: 1 – diploma ou certificado de curso nível superior em Engenharia Civil realizado em instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação, com registro profissional no órgão de classe competente; e 2 – ter grau de Mestre na área de Engenharia Civil ou ter realizado, durante, pelo menos, 3 (três) anos, após a obtenção do título de graduação em Engenharia Civil, atividade em Engenharia Civil, que lhe atribua habilitação correspondente. Atribuições: Exercer atividades técnicas especializadas, relativas a gerenciamento de contratos e fiscalização de obras e reformas. Supervisão de serviço de manutenção preventiva e corretiva predial, bem como de máquinas, equipamentos e instalações prediais, acompanhando a execução de trabalhos, analisando e avaliando resultados, elaborar projetos para adequação, remanejamento ou dimensionamento dos espaços físicos, efetuar cálculos, preparar desenhos técnicos. Elaborar e avaliar orçamentos com a utilização do SINAPI e demais regras vigentes. Monitorar resultados, elaborar relatórios gerenciais, implantação de ferramentas para aperfeiçoar o gerenciamento de projetos e processos institucionais.

Informe Erro Carregando...