Fundação Osvaldo Cruz abre concursos para 400 vagas

A Fiocruz – Fundação Osvaldo Cruz iniciou ontem (29/1) a publicação dos editais dos concursos públicos e deverá finalizar a divulgação de todo o conteúdo até a próxima sexta-feira (31/1). Pelo cronograma do certame, as provas objetivas e discursivas deverão ser aplicadas no dia 30 de março.

As 400 vagas oferecidas em 22 editais distintos são divididas em Especialista em C&T Produção, Inovação em Saúde Pública (25), Pesquisador em Saúde Pública (164), Tecnologista em Saúde Pública (128), Analista de Gestão em Saúde Pública (8) e Técnico em Saúde Pública (75).


Editais devem sair até sexta-feira (31/1)

Os editais para o cargo de pesquisador e alguns perfis de tecnologista que atuam como suporte às ações de pesquisa e desenvolvimento tecnológico foram organizados separadamente, no intuito de respeitar as especifidades das diversas áreas de atuação das unidades técnico-científicas da Fiocruz.

“Foram definidos critérios e parâmetros de seleção em conformidade com as exigências de cada unidade, para possibilitar um processo seletivo com maior qualidade”, destaca Juliano Lima, diretor de RH da Fiocruz. O diretor informa ainda que estes editais restantes devem ser publicados até sexta-feira (31/1).

Técnico em Saúde Pública

Das 75 vagas oferecidas no cargo de Técnico em Saúde Pública, 71 são para ampla concorrência e quatro reservadas para pessoas portadoras de deficiência. As provas serão aplicadas para 28 diferentes perfis.

As vagas são para as cidades de Belo Horizonte (3), Recife (3) e Rio de Janeiro (69). O valor da taxa de inscrição é de R$ 100.

Analista de Gestão em Saúde Pública

O cargo de Analista de Gestão em Saúde Pública é o que oferece o menor número de vagas, apenas oito, sendo sete de ampla concorrência e uma para portadores de deficiência. A prova será aplicada para três perfis: Contabilidade, Gestão e Desenvolvimento Institucional e Gestão de Infraestrutura.

As vagas são destinadas para as cidades de Belo Horizonte (1), Campo Grande (1), Curitiba (2), Manaus (2), Porto Velho (1) e Rio de Janeiro (1). O valor da taxa de inscrição é de R$ 160.

Especialista em C&T Produção, Inovação em Saúde Pública

As 25 vagas (23 de ampla concorrência e duas para portadores de deficiência) oferecidas no cargo de Especialista em C&T Produção, Inovação em Saúde Pública são divididos em 24 perfis. Somente o perfil de ‘Imunologia de Tumores. Interações de célula tumoral em microambientes teciduais’ dispõe de duas vagas.

As cidades contempladas com o cargo de Especialista são: Belo Horizonte (1), Brasília (1), Campo Grande (1), Curitiba (2), Fortaleza (1), Manaus (1), Porto Velho (1), Recife (1), Rio de Janeiro (14) e Salvador (2). O valor da taxa de inscrição é de R$ 250.

Tecnologista em Saúde Pública

O edital do cargo de Tecnologista em Saúde Pública apresenta os 69 perfis que não atuam diretamente como suporte às ações de pesquisa e desenvolvimento tecnológico. Neste edital constam 93 vagas, sendo 88 para ampla concorrência e cinco para portadores de deficiência.

As cidades contempladas são: Brasília (2), Belo Horizonte (1), Campo Grande (1), Curitiba (4), Recife (4), Rio de Janeiro (77), Porto Velho (2) e Manaus (2). O valor da taxa de inscrição é de R$ 160.

Informe Erro Carregando...